“… A Ela[Maria Santíssima] peço que “visite”, como “peregrina da fé”, a todas e a cada uma das dioceses,
paróquias, comunidades eclesiais e famílias da América, repetindo a seus filhos o que disse em Cana:
“Fazei o que Ele vos disser”. (Jo 2,5)
SÃO JOÃO PAULO II (L’Osservatore Romano, 14-02-1996).

O Apostolado do Oratório “ Maria Rainha dos Corações” tem por objetivo geral cooperar com os Párocos no esforço por uma nova evangelização. De modo especial, o Apostolado trabalha para que os católicos não praticantes passem gradativamente a participar da vida eclesial em suas paróquias. Nesta atuação, essa pastoral se empenha em beneficiar não somente os indivíduos, mas sobretudo as famílias, na busca pela reconciliação de casais, concedendo graças e curas, reconduzindo aos lares adolescentes extraviados, ajudando a solucionar problemas de toda ordem. Enfim, esse apostolado trabalha para que Jesus renasça no seio de cada família.

Quem o promove é a Associação privada internacional de fiéis de direito pontifício Arautos do Evangelho. Basicamente, consiste ele em formar grupos de trinta famílias e fazer peregrinar pelas suas casas um oratório do Imaculado Coração de Maria, tal qual Ela apareceu em Fátima.

 Cada família recebe o Oratório em seu lar todo mês, num dia fixo, a ser combinado com o Coordenador ou Coordenadora do Grupo. Nesse dia, ela pode convidar amigos, parentes e vizinhos para, juntos, fazerem a leitura de um trecho do Evangelho, seguida de alguns minutos de reflexão, rezarem o terço e o ato de consagração da família ao Imaculado Coração de Maria.

Na Paróquia da Catedral, temos 15 oratórios, cuja visita beneficia aproximadamente 500 famílias. Cada oratório tem individualmente uma coordenadora ou coordenador responsável, que se encarrega de formar o grupo de 30 famílias e cuidar para que as visitas do oratório tenham sequência.

Para 2015 está planejada reuniões trimestrais com as (os) coordenadoras(es) objetivando a troca de experiências e o crescimento na devoção a Nossa Senhora.